Atraentes

Como os algoritmos dos apps de paquera tentam prever pares perfeitos

Encontre os pares 14417

Ele executou um script em seu computador que curtiu automaticamente todos os perfis que se enquadravam em suas preferências. Uma delas, Cherie, concordou em sair. Por que confiar no algoritmo para apresentar os perfis certos quando você pode curtir todos? Ou pelo menos é o que as pessoas acreditam. Como a maioria das coisas que gostaríamos de ter, acho que merece um certo ceticismo quando alguém afirma que é capaz de fazê-lo. Ao completar seus testes de personalidade, eles dizem que podem te poupar do esforço de deslizar o dedo. Todo o negócio é baseado no desenvolvimento de algoritmos inteligentes que funcionam como cupidos — e em guardar suas fórmulas a sete chaves. Desenvolvem o seu próprio.

Os participantes foram questionados, por lição, se concordavam com declarações como: sou uma pessoa otimista, tenho medo de ser abandonado e se eu pudesse viver a minha vida de novo, mudaria tudo. Ao todo, eles responderam sobre mais de características e preferências. Depois, após uma série de encontros de quatro minutos, foram questionados se tinham interesse romântico em qualquer um dos outros participantes. Agora, os pesquisadores tinham todas as três coisas que precisavam para prever o desejo romântico. Elas se sentiram atraídas por muitas pessoas ou acharam difícil sentir uma certa química?

Estou com trinta e poucos anos. Sou mulher, solteira e oportuno. Suspeito que neste momento muitos começam a duvidar. Mulher, solteira e feliz? Autora de Mulher, solteira e feliz, ela estreia no Brasil com o lançamento da obra pela Primavera Editorial. Foi nesse momento que percebi o quanto uma mulher solteira desperta pena, inclusive de outras mulheres.

Leave a Comment